SINGELO POEMINHA EM CROATA

SINGELO POEMINHA EM CROATA

Kolinda, linda, abraça o Rakitič
Na chuva, provocando a laringič
E o russo, pasme, o dono do convič
Abriga-se na própria putinič

Macron diante esguia Afrodič
A moça cortejanto até o limič
Que importa a fofoca que suscič?
Que importa arriscar-se a um desquič?

Enquanto o brasileiro, acredič
Por mais que tente, e seus miolos frič
Não pode explicar a maluquič
De ter levado à copa um tal de Tič.